sexta-feira, 15 de agosto de 2014

QUEM ERAM OS NICOLAÍTAS?



David Chilton

“Entretanto, há uma coisa a seu favor: você odeia as práticas dos nicolaítas, as quais eu também odeio”. (Ap. 2:6)

O verdadeiro amor por Cristo e o Seu povo requer ódio para com o mal, e o Senhor elogia a Igreja de Éfeso por sua firmeza nisso: “Entretanto, há uma coisa a seu favor: você odeia as práticas dos nicolaítas, as quais eu também odeio”. De acordo com o bispo do segundo século Irineu, “os nicolaítas eram os seguidores daquele Nicolau que foi um dos sete primeiros ordenados ao diaconato pelos apóstolos [Atos 6:5]. Eles levavam vidas de indulgência desenfreada… ensinando que é indiferente praticar o adultério, ou comer coisas sacrificadas aos ídolos. Se Irineu está correto aqui – seu ponto de vista certamente é discutível – o diácono Nicolau (em grego, Nikolaos) apostatou e se tornou um “falso apóstolo”, buscando levar outros à heresia e compromisso com o paganismo.

Uma coisa é óbvia: João está chamando a facção herege em Éfeso de acordo com o nome de alguém chamado Nikolaos (mesmo que suponhamos que Irineu estava confuso sobre a sua identidade). Sua razão parece ser baseada em considerações linguísticas, pois no grego Nikolaos significa “Conquistador de pessoas”. Interessantemente, em três das sete mensagens João menciona um grupo de hereges em Pérgamo, a quem chama de seguidores de “Balaão” (2:14). Em hebraico, Balaão significa “Conquistador de pessoas”. João está fazendo um jogo de palavras, ligando os “nicolaítas” de Éfeso com os “balaamitas” de Pérgamo; de fato, ele claramente nos diz em 2:14-15 que a doutrina deles é a mesma. Assim como Nikolaos e Balaão são equivalentes linguísticos um do outro (cf. a mesma técnica em 9:11), eles são equivalentes teológicos também. Os “nicolaítas” e “balaamitas” são participantes da mesma seita herética.

Ensinavam que o crente não precisa ser diferente. Quanto mais ele pecar, maior será a graça. Quanto mais ele se entregar ao apetite da carne, maior será a oportunidade do perdão. Eles faziam apologia ao pecado. Defendiam que os crentes deveriam ser iguais aos pagãos, conformando-se com o mundo.

O Salvador odeia as obras dos nicolaítas. Ele odeia o pecado. O que era odiado em Éfeso era tolerado em Pérgamo. 


Essa conclusão é fortalecida por uma conexão adicional. Quando comparamos os ensinos reais da heresia nicolaíta/balaamita com aqueles da facção de “Jezabel” na igreja de Tiatira, mencionada na quarta mensagem (2:20), descobrimos que as suas doutrinas são idênticas. Dessa forma, parece ser uma heresia particular o foco dessas mensagens às igrejas durante os Últimos Dias, uma heresia que procurava seduzir o povo de Deus à idolatria e fornicação. Como Paulo tinha predito, lobos surgiriam dentro da comunidade cristã tentando devorar as ovelhas, e era o dever dos pastores/anjos estarem em guarda contra eles, e expulsá-los da Igreja. Jesus Cristo declara que Ele odeia as obras dos nicolaítas; Seu povo deve mostrar Sua imagem amando o que Ele ama e odiando o que Ele odeia (cf. Sl. 139:19-22).

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Bem-vindo ao OS REMIDOS NO SENHOR: Um blog para quem não é manipulado!

Os artigos são livre expressão do seus autores, muitos só postamos a título de informação para conhecimento e não refletem necessariamente as posições adotadas pelo OS REMIDOS NO SENHOR. Nosso propósito, no entanto, é contribuir e incentivar a livre reflexão do nosso público alvo: pastores, líderes, e cristãos em geral que exercem seu papel no Reino de Deus.

Comente, questione, critique, aconselhe, tire dúvidas.

Esclarecemos que, como um site evangélico, não somos neutros em relação às questões aqui levantadas. Portanto, reservamo-nos o direito de bloquear ou excluir comentários segundo critérios próprios. Não sou e nem desejo ser mestre de ninguém, não procuro discípulos, nem admiradores, nem seguidores. Procuro apenas leitores sinceros e amadurecidos para questionar, de maneira sóbria e crítica, as crenças e os paradigmas hegemônicos e misteriosos das escrituras sagradas.

Comentários de "anônimos" não serão necessariamente postados. Procure sempre colocar seu nome no final de seus comentários (caso não tenha uma conta Google com o seu nome) para que seja garantido o seu direito democrático neste blog. Lembre-se: você é responsável direto pelo que escreve.

Mas difamações, ataques pessoais, trollagens, xingamentos, atitudes de intolerância, assim como comentários à serviço de militâncias políticas e religiosas não serão aceitos!

Se você não é um desses, esqueça este meu comentário porque a mensagem não é para você,



Whos

Você Pode Gostar Também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Minha lista de blogs

- See more at: http://www.ecleticus.com/2011/10/slide-que-funciona-automatico-no.html#sthash.w0HvNCS1.dpuf