domingo, 1 de junho de 2014

Petrus Romanus, o PROJETO LÚCIFER, e o Surpreendente Plano do Vaticano Exo-Teológico para a Chegada de um Salvador Alien





Vaticano prepara-se para um ‘salvador’ do espaço exterior

Quando veio a primeira renúncia de um papa em 600 anos  que coincide com o lançamento de um livro sobre um papa renunciando, assim, o resultado é condição para um autor bestseller. 

Ou, mais precisamente, autores, como Tom Horn e Chris Putnam combinados para pen “Petrus Romanus”, um olhar exaustivo e muito documentado  nas misteriosas “profecias de São Malaquias”, um padre irlandês do século 12.

Renúncia deslumbrante do Papa Bento XVI não só criou uma tempestade de cobertura da mídia, mas também dirigiu  programas de rádio cristãos e publicações para  se concentrarem na intriga Vaticana. Horn e Putnam têm sido inundados com pedidos de mídia. 

Agora, os dois produziram um novo livro, ”Exo-Vaticana: Petrus Romanus, o Projeto LÚCIFER, e Astonishing  o Plano exobiológico do Vaticano para a chegada de um Salvador Álien” com um subtítulo assim, Horn  aos leitores  diz que eles ficarão intrigados, e o público a partir das vendas de fuga de “Petrus Romanus” garantir outro bestseller.




“No ano passado estávamos fazendo shows em ” Petrus Romanus ” e em call-in mostra, mais interlocutores estavam interessados ​​na conexão sobre ET do Vaticano  ”, diz Horn. ”Quando nós respondemos a essas perguntas, esses shows foram os melhores do que o da profecia dos papas!”

O público parece que não consegue obter notícias o suficiente sobre os temas abordados por Horn e Putnam. Horn  realiza vários projetos do par (incluindo um novo documentário feito em conjunto com WND Films, “O Último Papa”?) Travou uma onda de imaginação popular.

“A profecia dos papas era um tanto ambígua, e muitas pessoas ainda não tinha ouvido falar sobre isso”, diz Horn. ”Mas ETs… isso é um interesse para quase todos.”

Descubra o mais tardar, procurar a verdade, com a sua própria cópia de “Exo-Vaticana” agora!

Renúncia chocante do Papa Bento XVI no início de 2013 fez os co-autores parecer que eles tinham informações privilegiadas que ninguém mais tinha. Chifre contesta isso.

“Nós estávamos no lugar certo, na hora certa, eu não sou nenhum profeta”, diz Horn. ”Nós tínhamos alertado as pessoas com o livro anterior, para o fato de que as coisas dramáticas iam sair do Vaticano, e aqui estamos nós.”

“Petrus Romanus” examinaram as estranhas profecias de São Malaquias, que indicou séculos atrás que o papa final seria “Pedro, o Romano”.

Horn se lembra de como o projeto de escrita surgiu: “Eu estava falando na Conferência Estratégica de Chuck Missler, em 2011, e meu filho trouxe à tona uma pergunta: Em ‘Apollyon Nascente 2012
[a anterior de sucesso de Horn ], eu havia mencionado em um parágrafo o papa profecia. Meu filho disse: ‘Independentemente do que você faz dela, é um documento muito antigo, mesmo que seja datado apenas a 1.500 anos. É interessante que o último papa é o último na lista. “

Essa foi a gênese de “Petrus Romanus”.

“Nós estávamos falando sobre isso”, diz Horn de hoje “, que ninguém tinha escrito um livro – este muito antiga profecia católica estava chegando ao fim. Eu provavelmente deveria reunir algumas centenas de páginas como um tratamento do assunto. Na verdade, eu fui para o meu quarto de hotel e fez um esboço rápido. Antes de eu ir de volta para falar, eu verifiquei meu e-mail e ler um de Chris Putnam! “
Horn  diz que ele sabia Putnam foi um grande pesquisador, e, “Eu sabia que ele era um bom apologista. Outros tinham falado muito bem dele, um jovem evangélico que teve sua cabeça no lugar”.



Horn diz Putnam pediu permissão para usar um único parágrafo de “Apollyon Rising” e demonstrou que ele e Putnam estavam no mesmo comprimento de onda, um “sinal” a certeza “Petrus Romanus” chegaria a um público ávido por qualquer coisa e tudo sobre o papa, passada.

“Muitas pessoas disseram que é o melhor livro sobre o assunto”, diz Horn. ”Nós estávamos objetiva e crítica.Nós queria ler tanto sobre a crítica como a crença nele. Entre os estudiosos católicos, alguns dos meios de comunicação têm errado: a Igreja rejeita a profecia dos papas. Oficialmente eles deixá-la aberta para o que você quer acreditar. Alguns de seus acadêmicos se concentrar nas partes fraudulentas. “

Horn diz, no entanto, que alguns estudiosos católicos independentes acreditam previsão outrora obscuros do St. Malachy sobre um papa final “é uma profecia genuína.”

“Em nosso estudo, você vai descobrir que investigou como literatura acadêmica tanto quanto existe em torno dessa história”, diz Horn. ”Concluímos que parte dele foi fabricada no século 16. Achamos que isso aconteceu por volta de 1590. Alguém alterou-o para mostrar o cumprimento de um determinado potencial papa, um cardeal medieval. “
 

Tudo o que deixa a porta a uma ambiguidade no assunto aberta, pelo menos uma fenda. E isso é mais do que suficiente para Tom Horn e Chris Putnam para atirar para trás as listas dos mais vendidos com as obras definitivas sobre o assunto das profecias de São Malaquias.




Get “Petrus Romanus” do SuperStore WND.

No entanto, Horn e Putnam têm tomado suas pesquisas ainda mais longe, prometendo revelar em “Exo-Vaticana”:

* Plano secreto do Vaticano para a chegada de um deus estranho
* Os arquivos secretos da biblioteca do Vaticano sobre a realidade da presença alienígena.

* O documento privado detalhando a posição do Vaticano sobre os extraterrestres.

* Projeto LUCIFER e a busca escondida para “Fallen Star”.

* Os primeiros astrônomos  dizem que o mundo alienígena e seus habitantes serão divulgados.

* O Collins Elite, o ocultismo e a criação secreta e um programa de hibridização.

* O segredo de família incrível que Tom Horn manteve escondido por décadas!

* O governo superior e autoridades do Vaticano disseram os autores sobre a realidade dos UFOs e ETIS.

* Top astrônomo do Vaticano entrevistado por Horn e Putnam.

* Nick Pope, Bruce Maccabee, Stanton Friedman, Jesse Marcel Jr. e outros pesar.
* Voltar para Cydonia! A verdade por trás do rosto em Marte e estruturas artificiais em outros mundos.

Durante um show em “Omega Man Radio” os autores divulgaram  uma conexão “extraterrestre” entre Petrus Romanus, o Vaticano e o Graham Observatório Mount, que disparou a popularidade desse programa, ilustrando com os autores que a civilização moderna é mais do que casualmente interessado, não só ”salvador”. no papa final, mas na ligação entre Roma e seu trabalho secreto em inteligência extraterrestre, astrobiologia e os preparativos intrigantes que estão sendo feitas para a chegada de um estrangeiro Assim, a nova investigação começou – e rapidamente resultou em resultados os autores dizem que é muito mais preocupante do que até mesmo eles esperavam encontrar.




As Origens do ‘Lucifer’

O WND contatou astrônomos alemães do Centro de Astronomia da Universidade de Heidelberg, que colocou o seu diabólico nome de LUCIFER. O Astrônomo e Professor Andreas Quirrenbach, que também se identificou como um católico, disse ao WND que há um equívoco comum sobre o termo “Lúcifer”.

“A origem do nome e o seu significado, em latim, é “o portador da luz”, declarou Quirrenbach”. “Considerando que hoje a maioria das pessoas podem associar esse nome com um mítico anjo caído, que também é freqüentemente identificado com o diabo, este não é a única forma e também não é o uso original do nome”.

“Na verdade a designação ‘Lucifer’ foi usada desde a antiguidade para designar a “estrela da manhã”, ou seja, o planeta Vênus quando ele é visível no céu da manhã. Este é o primeiro uso do nome, e por isso sua ocorrência em astronomia precede a qualquer conotação religiosa posterior”. - Andreas Quirrenbach

O que ele captou?

Em 10 de Janeiro de 2014 o telescópio “Lucifer” do Vaticano captou imagens de uma massa de energia (??) rumando para a Terra. Está vindo do Sul (lembrando do grande observatório existente no pólo sul) e ainda não se tem maiores informações. Teria alguma ligação com o Planeta X/Hercólubus/Nibiru?

O Último Papa

O Vaticano na intenção de frustrar toda celeuma quanto ao último Papa, “Petrus Romanus”, elegeu como sucessor de Bento XVI, que abdicou ao papado em 28 de fevereiro de 2013, na época o cardeal Jorge Mario Bergoglio, tornando assim o Papa Francisco, cessando toda discussão sobre à profecia de São Malaquias.

Com o Papa eleito tudo voltou a sua normalidade. Aqueles que acreditavam ser “Petrus Romano” o último papa, se viram equivocados em suas pesquisas. Mas havia algo muito estranho nisso tudo. O recém eleito pontífice escolheu seu nome em homenagem a São Francisco de Assis, um frade que dedicou sua vida em prol dos pobres no século XII.

Seu nome de nascimento era Giovanni di Pietro di Bernardone, mais conhecido como São Francisco de Assis, foi um frade católico da Itália.

Era filho do comerciante italiano Pietro di Bernadone dei Moriconi e sua esposa Pica Bourlemont, cuja família tinha raízes francesas.

Não foi por acaso que o Papa Francisco se inspirou em São Francisco para escolher seu nome papal. Como sabemos, São Francisco tinha Pedro em seu nome e era ele romano, de Assis. Assim também, o Papa Francisco, apesar de ter nascido na Argentina, seus pais são de origem italiana.

Ao ser eleito papa o cardeal Jorge Mario Bergoglio disse que foram buscar um papa "no fim do mundo". 

A Monja de Dresden (religiosa alemã que viveu de 1683 1709) profetizou:

"o mui Clemente Vigário na Terra de Nosso Senhor, que quis um novo Francisco à sua mesa, porque toda Igreja necessitava ser lavada e purificada; tua tiara será a pobreza e teu manto a humildade... e depois de ti descerá do céu aquele Bendito que selará os tempos e continuará a semeadura no milênio do êxtase do Espírito Santo..."

São Malaquias:

In persecutione extrema S.R.E. sedebit Petrus Romanus” qui pascet oves in multis tribulationibus: quibus transactis civitas septicollis diruetur, Iudex tremendus iudicabit populum. Finis.

Ou traduzindo:

Na extrema perseguição da Igreja Romana sentará Pedro Romano, que apascentará suas ovelhas entre múltiplas tribulações: as quais transcorridas, a cidade das sete colinas será destruída e o Juiz tremendo julgará o povo e então será o Fim.”


O Programa de Sid Roth, que é exibido semanalmente na TV WND, fez entrevista com dois pesquisadores que revelam antigo documento do Vaticano, contendo profecia de São Malaquias revelando que o Papa Francisco seria o último papa.


FONTE: http://juliosevero.blogspot.com.br    /   http://ufosonline.blogspot.com.br/

Um comentário :

Bem-vindo ao OS REMIDOS NO SENHOR: Um blog para quem não é manipulado!

Os artigos são livre expressão do seus autores, muitos só postamos a título de informação para conhecimento e não refletem necessariamente as posições adotadas pelo OS REMIDOS NO SENHOR. Nosso propósito, no entanto, é contribuir e incentivar a livre reflexão do nosso público alvo: pastores, líderes, e cristãos em geral que exercem seu papel no Reino de Deus.

Comente, questione, critique, aconselhe, tire dúvidas.

Esclarecemos que, como um site evangélico, não somos neutros em relação às questões aqui levantadas. Portanto, reservamo-nos o direito de bloquear ou excluir comentários segundo critérios próprios. Não sou e nem desejo ser mestre de ninguém, não procuro discípulos, nem admiradores, nem seguidores. Procuro apenas leitores sinceros e amadurecidos para questionar, de maneira sóbria e crítica, as crenças e os paradigmas hegemônicos e misteriosos das escrituras sagradas.

Comentários de "anônimos" não serão necessariamente postados. Procure sempre colocar seu nome no final de seus comentários (caso não tenha uma conta Google com o seu nome) para que seja garantido o seu direito democrático neste blog. Lembre-se: você é responsável direto pelo que escreve.

Mas difamações, ataques pessoais, trollagens, xingamentos, atitudes de intolerância, assim como comentários à serviço de militâncias políticas e religiosas não serão aceitos!

Se você não é um desses, esqueça este meu comentário porque a mensagem não é para você,



Whos

Você Pode Gostar Também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Minha lista de blogs

- See more at: http://www.ecleticus.com/2011/10/slide-que-funciona-automatico-no.html#sthash.w0HvNCS1.dpuf